Como fazer café

Será que você sabe mesmo como fazer café?

Acontece que muitas vezes fazemos nosso cafezinho de modo mecânico! Logo, não nos damos conta de que podemos torna-lo ainda mais saboroso!

Foto de Pixabay

São detalhes que podem fazer toda a diferença!

Quer ver só? Fique por aqui e descubra!

Como fazer café coado

O cafezinho passado pelo coador de pano ou filtro de papel tem sabor equilibrado. Sendo assim, é uma bebida que apresenta harmonia nos sabores e notas, tem corpo, doçura e acidez com equilíbrio.

Como fazer café coado? Simples! Você vai precisar colocar o pó em um filtro, de papel ou de pano, e adicionar água quente.

E aí já vai uma informação que talvez você não saiba: há quem afirme que a água tem que estar quente, mas não fervente. Você sabia disso?

Segundo especialistas, a água, ao ferver, começa a perder oxigênio e o sabor fica ruim. Além disso, quanto maior a temperatura da água, maior é a chance de deixa-lo amargo, perdendo aroma, doçura, acidez e corpo.

Nesse sentido, a temperatura ideal é algo em torno de 90°C a 96°C.

Tendo em vista que nem todo mundo tem termômetro em casa para isso, a dica é deixar ferver e depois esperar esfriar alguns minutinhos. Saiba que, a cada minuto, a temperatura baixa um grau e aí já dá para controlar.

No entanto, não parece ser consenso e há quem diga que pode ferver sim. A sugestão então é fazer dos dois jeitos e aí ver qual fica melhor!

Por outro lado, uma coisa é comum para aqueles que entendem do assunto: a água deve ser filtrada ou mineral. Não deve usar a água da torneira.

Está achando que é frescura? Não é não!

A água da torneira possui grande quantidade de cloro, além de impurezas. Isso modifica o sabor.

Como fazer café

Aqui no Portal TargetDev você pode aprender também a fazer um Café Cremoso

Cafezinho
Foto de Uriel Mont no Pexels

Ao usar um coador, tanto de pano quanto de papel, o pó deve apresentar uma moagem média ou fina.

A medida correta de pó é de 5 a 6 colheres de sopa para 1 litro de água. Isso é algo em torno de 80 a 100 gramas.

Coloque o pó no coador. Não aperte a camada de café.

Despeje a água sobre o pó, umedecendo-o todo. Faça isso começando pelas beiradas e indo para o centro.

Em seguida, despeje a água lentamente, no centro do coador. Atenção: Não misture com a colher.

Quando mais lentamente despejar a água, mais escura a bebida ficará. Por isso, não ultrapasse 6 minutos, para não ficar muito amargo.

Espere até que toda a água escoe a aprecie!

Após passar o café, se tiver utilizado coador de papel, jogue-o fora, juntamente com a borra que ficou.

Jamais utilize o pó já usado, para passar outro café. A bebida ficará amarga e com sabor desagradável.

Atenção:

É indicado ferver coadores de pano, quando for usar pela primeira vez, em água com café. Isso vai retirar a goma ou outros resíduos e faz com que o coador adquira o aroma da bebida.

Após o uso, lavar o coador de pano somente com água.

Como fazer café perfeito

Para fazer café perfeito, é necessário, em primeiro lugar, escolher o produto ideal.

Dessa forma, um café especial, 100% arábica, ou mesmo um Conilon de alta qualidade será capaz de te surpreender!

São produtos que recebem cuidados especiais, ou seja, a qualidade vai do plantio à entrega ao consumidor.

Acima de tudo, apresentam torra adequada para proporcionar uma experiência incrível aos paladares mais exigentes!

E, mesmo que você não seja tão exigente assim, (ainda), escolha um bom café, que tenha qualidade e não apresente, no pó, nada que não seja café.

Nesse sentido, você sabia que pode conter impurezas no produto moído, como cascas e gravetos? Definitivamente, isso acontece quando o produto é de baixa qualidade, não tem nenhuma especificação de origem, é produzido em larga escala e em processos industrializados.

Além disso, é ultra torrado, escondendo defeitos e padronizando o sabor.

Por outro lado, um café de alta qualidade, permite identificar sabor e notas gustativas. Muitas vezes dispensa o uso de açúcar!

Você já teve a experiência de apreciar uma bebida desse nível? Se você é desses que amam essa bebida, vai fazer toda a diferença escolher um café especial.

Além do café coado no pano ou no filtro de papel, existem outras maneiras de preparar a bebida.

Como fazer café – outras possibilidades

Fazer Café
Foto de Michael Burrows no Pexels

Hario V60: ele parece um coador tradicional, mas, internamente, apresenta ranhuras em espiral. Seu formato cônico amplia o tempo de contato entre a água e o pó.

Chemex: é um coador em vidro, capaz de fazer um café sem nenhum traço amargo. Deixa ele leve e livre de resíduos.

Clever: é um porta filtro feito em acrílico. O pó fica imerso na água por algum tempo e depois é coado. O tempo de imersão depende da moagem do grão.

Coador de inox: substitui o coador de pano ou o filtro descartável. Possui furinhos no próprio inox. Você coloca o pó nele e passa a água como se faz com o coador de pano ou papel. Importante: para não entupir os furinhos, usar uma moagem mais grossa.

Drip Coffee: trata-se de um sachê, com hastes ajustáveis, já com o pó. Você deve encaixar esse sachê na borda da xícara e coar com 50 ou 70 mL de água.

Como fazer café espresso

Em outras palavras, o café espresso é aquele preparado sob pressão, em doses individuais. Ele é concentrado, tem aroma e sabor intensos e é coberto por um creme marrom claro, que fica na superfície da xícara.

Antes de tudo, para prepara-lo deve-se utilizar grãos frescos e moídos adequadamente.

Além disso, para obter um café espresso excelente, as máquinas utilizadas devem permitir operação com pressão de 9 atm, com temperatura de 90°C.

Por fim, o tempo de extração pode variar entre 25 e 30 segundos.

Agora é só apreciar sua bebida!

Se quiser aprofundar ainda mais sobre métodos de preparo do café, é só conferir o manual do Sebrae.

Como fazer café – regras para uma boa preparação

  1. Utilize, sempre que possível, um café recém torrado, pois ele tem mais sabor;
  2. Guarde o pó em um recipiente bem vedado e na geladeira, quando solicitado na embalagem;
  3. Utilize água filtrada ou mineral;
  4. Prepare a quantidade que vai ser consumida na hora, ou, no máximo, no prazo de uma hora;
  5. Tempo de contato entre a água e o café: no caso de moagem fina – até 4 minutos; para moagem média – de 4 a 6 minutos e; para moagem grossa – de 6 a 9 minutos;
  6. Não utilize resto de café passado para fazer um novo café;
  7. Nunca reutilize o café esgotado (borra) para fazer outro café.
Como fazer café perfeito
Foto de Pixabay

Conclusão

Fazer um café parece simples para quem já está acostumado, mas não é assim tão óbvio! Além disso, tem gente que, por vários motivos, não faz o seu próprio café.

São pessoas que amam café, mas preferem tomá-lo em cafeterias, padarias ou lanchonetes. E está tudo bem!

Mas veja bem, se você desejar, pode aprender como fazer café e saboreá-lo em sua casa ou até mesmo no seu trabalho.

E, se você já é daqueles que faz seu café diariamente, espero que este artigo tenha te ajudado a conferir se está tirando proveito de tudo que o café pode te oferecer!

Sobre Karine Iria

Mestra e Doutora em Economia Doméstica

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.