Como saber por onde andar?

Não sei se você já passou pela experiência de se perder de alguém, talvez, quando criança ou, mesmo, já adulto, em uma cidade nova.

Eu já! E lhes confesso: A sensação não é nada boa! Ao olhar em volta nada, nem ninguém, me parecia familiar, pelo contrário, tudo era estranho…

Diante disso, o que fazer?

Nessa circunstância penso que uma primeira postura é, sem sombra de dúvidas, tentar manter a calma, do contrário o que está difícil pode ficar ainda mais complicado.

Em seguida, outra possibilidade seria, talvez, buscar por alguma referência, um local por onde se tenha passado e que possa indicar o caminho de volta.

Há, ainda, uma terceira opção, ou seja, pedir ajuda.

Certamente, essa poderia ser uma boa saída, contudo é preciso cuidado, já que nem todas as informações poderiam ser dignas de crédito. É preciso perguntar para as pessoas certas, porém, como reconhecê-las?

Neste texto te convido a ampliar, um pouco, a visão buscando transportar essa realidade para nossa vida! Qualquer semelhança com a história acima, creio que não será mera coincidência!

E quando me sinto perdido na vida?

Quem nunca se sentiu meio perdido na vida, não é mesmo? Um dia, diante de duas grandes oportunidades, de repente, bate aquela dúvida na hora de escolher. E quando a escolha implica em mudanças radicais?

Tantas questões podem surgir, mas seja como for, para esses e outros momentos de nossa vida, confiável mesmo é a orientação de Deus, por meio de Sua Palavra. Ela é

“lâmpada para os meus pés e luz para o meu caminho” (Sl 118, 105)!

Assim, é como se ao andarmos por um caminho escuro, em nossos pés portássemos uma lâmpada e, além disso, na medida em que fôssemos dando os passos o caminho se abrisse diante de nós. Que maravilha é essa cena!

E é, justamente, desta maneira que acontece quando nos fiamos na Palavra de Deus!

É bem verdade que não temos sempre as respostas e, por isso, como pudemos ver, nos sentimos perdidos algumas vezes.

E não há problema algum nisso! Afinal de contas, não somos conhecedores de todas as coisas e errar, também, faz parte do processo de crescimento.

Deus não nos deixa confundidos

Contudo, não nos esqueçamos de que há um Deus à nossa frente que não nos deixa confundidos (Dn 3, 40c) e que, para nosso bem e cuidado, conhece, absolutamente, todas as possibilidades do caminho. Como Pai, Ele deseja nos orientar acerca do que fazer, assim como, por onde andar.

Para isso, Deus nos deixou a Sua Palavra que tem o poder de guiar a nossa vida, em cada uma de nossas escolhas! Então, por que não contar com ela?

Porém, para termos acesso a essa “orientação”, na qual poderemos confiar completamente, será preciso que nos aproximemos de Deus para ouvi-Lo.

Portanto, se você, assim como eu, muitas vezes não sabe por onde andar, mas deseja acertar no caminho da vida é hora de perguntarmos para Ele qual a melhor saída! Paremos, por um instante, neste dia, e diante de Sua Palavra clamemos por orientação.

Estejamos confiantes de que Deus não nos deixará sem resposta!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *