Você está com sede?

Todos nós sabemos o que significa a sede, não é verdade? Esta sensação que está relacionada à necessidade de nosso organismo por água. Mas, e quando esta sede vem de dentro e não sabemos explicar como acabar com ela? Sedes internas só podem ser saciadas por Alguém que nos conhece profundamente. Este alguém é Deus; e, se estiver com sede, chame por Ele.

Identificando a sede…

Ao olhar para nossa vida, é muito importante perceber como estamos; e nada melhor para isso do que fazer uma analogia com a sede orgânica. Em nosso corpo, identificamos a sede por alguns sinais. Vamos citar aqui só um deles que já nos ajuda bastante em nossa reflexão.

Cansaço

O cansaço retira nossa vitalidade. Perdemos o anseio por fazer diferentes atividades. É como se quiséssemos o tempo só ficar quietos, parados. Em nosso interior, a sede também provoca cansaço, um desânimo e uma desistência de tudo.

Ficamos sem esperança e confiança em nós, nos outros e até na própria vida.

Queremos só ficar quietos…descansando. E a tendência é passar a empurrar a vida e ir fazendo de conta que se está vivendo, mesmo sem muito sabor. 

Olhe para si mesmo e pergunte: Você tem andado cansado sem entender bem os motivos?

Descansa, mas não sente suas energias serem repostas? Isso pode ser um indicativo de falta de água.

Da mesma forma, como andam suas emoções? Seus sentimentos, sonhos e projetos? Tem andado cansado? Isso pode ser falta da verdadeira “Água”

Aprendendo com a Palavra de Deus…

Na Bíblia, vemos o relato de uma mulher samaritana que um dia se encontrou com Jesus à beira de um poço. Ela tinha uma história de decepções e frustrações. Já havia sido casada com alguns homens e continuava em um imenso vazio.

No entanto, ela nem percebia isso. Foi o encontro com Jesus que fez com que esta sede interior viesse à tona. Ela foi conversando com Jesus e logo percebeu que Ele era um homem diferente.

Ela logo entendeu que Jesus não estava interessado em seu corpo e nem tampouco olhava para o seu exterior como tantos outros homens que passaram por sua vida. Jesus a olhava como ninguém jamais havia olhado pra ela.

Por meio deste olhar, Jesus foi curando seu coração, equilibrando suas emoções e saciando a sua sede de atenção, vida e amor. Ao conversar com Ele, ela sentiu todo o seu ser aquecido e foi entendendo que ali diante dela estava Aquele que poderia saciar a sua sede de amor.

Ela se rendeu e foi se permitindo ser encontrada por Jesus.

Quer fazer a mesma experiência? 

Da mesma forma que ocorreu com a samaritana que nem havia percebido sua sede, assim pode acontecer conosco. Se olhar para sua vida e desejar fazer esta experiência, saiba que é muito simples. Jesus está sempre ao seu lado e basta conversar com ele como um amigo conversa com outro amigo.

Não tem segredo. Procure um local reservado e que te traga paz. Experimente ficar um pouco quietinho, em silêncio e conversando com ele em seus pensamentos.

Aproveite para apresentar a ele suas lembranças, as situações que está vivendo no momento e tudo o mais que desejar. Vá respirando fundo e deixando o ar entrar em seus pulmões. Sinta o sopro de Deus que vai revigorando as suas forças.

Caso perceba que não está tão à vontade, não se preocupe. Jesus sabe respeitar o nosso tempo para todas as coisas e estará sempre ao seu lado, esperando por um chance de conversar e cuidar de você. Ele é o perfeito amigo.

O importante é não esquecer: se você estiver com sede, ainda que não perceba, há Alguém que sabe como saciá-lo plenamente com vida e vida em abundância…e o seu nome é Jesus.


Veja ainda aqui no Portal TargetDev

Corpus Christi Santíssimo Sacramento


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *